Depois da Primeira Chuva - Fotografia Infravermelha

O cerrado, bioma de savana que é, parece terrivelmente árido durante os meses de estiagem. Quando, porém, chega a primeira chuva (que, neste ano de 2016, veio em agosto), tudo muda. A natureza desperta e a vegetação, repleta de clorofila, se exibe em traje de gala para a fotografia infravermelha.
As três imagens foram feitas a 680 nanômetros.



Foto acima: 55 mm, f/8, 1/320 s, ISO 200



Foto acima: 55 mm, f/8, 1/400 s, ISO 200


Foto acima: 55 mm, f/8, 1/250 s, ISO 200